Ir para o conteúdo

Prefeitura de Votorantim e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Votorantim
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Whatsapp
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
12
12 JUL 2022
Cobrança de Zona Azul está suspensa por 30 dias em Votorantim
enviar para um amigo
receba notícias
A suspensão se deu pelo decreto 6.751/2022, com vigência a partir da meia-noite desta terça-feira
A prefeita de Votorantim Fabíola Alves suspendeu por 30 dias o contrato com a empresa V-Park e, com isso, a cobrança de Zona Azul nas ruas de Votorantim. A suspensão se deu pelo decreto 6.751/2022 publicado nesta segunda-feira, com vigência a partir da meia-noite desta terça-feira.
Nas justificativas, a chefe do Executivo salienta que é competência do Município regular o serviço, que a concessionária V-Park ajuizou ação questionando o reequilíbrio do contrato de concessão;  que a concessionária vem cobrando "taxa de respeito" no valor de R$ 20, sem a devida autorização do Poder Público e sem autorização contratual para isso.
Fabíola Alves justifica ainda que a empresa V-Park protocolou no último dia 8 de julho informando que iria aplicar automaticamente em 11 de julho um reajuste de 61,274% no preço da Zona Azul, passando de R$ 2 para R$ 3,20. E que a concessionária "somente avisou o Poder Público e divulgou em suas redes sociais, gerando comoção pública, ao arrepio do procedimento legal e ignorando a necessidade de autorização e homologação por parte da Prefeitura." A publicação está afixada no átrio da Prefeitura.

 
Autor: Marcel Stefano
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia