Ir para o conteúdo

Prefeitura de Votorantim e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Votorantim
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
04
04 JUN 2021
Votorantim inicia vacinação contra Covid-19 em pessoas de 30 a 39 anos com comorbidades

A Prefeitura de Votorantim, por meio da Secretaria de Saúde, começou nesta sexta-feira (4) a vacinação contra Covid-19 em pessoas de 30 a 39 anos de idade completos com comorbidades. A aplicação das doses da AstraZeneca / Fiocruz está sendo feita na praça Lecy de Campos, no sistema drive thru.

O vigilante Anderson Rodrigues Casemiro, 39 anos, esteve pela manhã na praça para receber a primeira dose. Ele faz tratamento para combater o diabetes, mora no Jardim Clarice e fez o cadastro para receber a vacina na unidade básica de saúde do mesmo bairro.

Segundo Anderson, o processo foi rápido. Ele esteve nesta semana na UBS, pegou o documento comprovando a comorbidade com a médica, fez o cadastro e depois de dois dias o nome já estava na lista para receber a vacina. “Eu estava bastante ansioso. É um momento sem explicação”, comenta o vigilante, logo após ter recebido a primeira dose.

A aplicação da primeira dose em Votorantim também tem sido feita nesta sexta-feira em pessoas com comorbidades de 30 a 59 anos completos e com deficiência permanente entre 30 e 59 anos completos. A lista inclui gestantes e puérperas, de 18 anos ou mais, com comorbidades. 

A vendedora Cheyenne Petry, 29 anos, está grávida e foi receber a primeira dose da CoronaVac / Butantan na praça Lecy de Campos. Ela mora na Vila Dominguinho e não escondeu a alegria de ter recebido a vacina. ‘É um alívio”.

Nesta sexta-feira, a Secretaria de Saúde também tem aplicado a segunda dose da vacina. A população-alvo é formada por pessoas que receberam a primeira dose da CoronaVac / Butantan há 28 dias e a AstraZeneca / FioCruz há 12 semanas.

Cadastro

O cadastro para pessoas entre 30 e 39 anos com comorbidades receberem a vacina contra a Covid-19 deve ser feito de forma presencial nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF). Esse processo também está aberto às pessoas entre 30 e 39 anos de idade com deficiência permanente. Esses indivíduos precisam receber o Benefício Assistencial à Pessoa com Deficiência (BPC).

A pessoa deverá preencher seus dados pessoais e assinar a Declaração de Comorbidades. Esse documento, contido no endereço eletrônico www.votorantim.sp.gov.br/comorbidades/, foi elaborado pela Secretaria de Saúde de Votorantim.

A fase de cadastramento continua aberta para pessoas com Síndrome de Down (entre 18 e 59 anos) e transplantados em uso de imunossupressores (entre 18 e 59 anos). Gestantes e puérperas com comorbidades também devem realizar o cadastramento.

Relatório

A Secretaria de Saúde criou uma forma de agilizar o cadastro para as pessoas com comorbidades receberem a vacina contra a Covid-19. A alteração nesse processo vai beneficiar principalmente os indivíduos em tratamento para hipertensão arterial resistente e diabetes - doenças no momento com a maior demanda para vacinação.

A partir de agora, os diabéticos e portadores de hipertensão arterial resistente - usuários de pelo menos três medicamentos anti-hipertensivos - podem apresentar prescrição ou receita médica original e cópia com validade de até um ano. No documento é preciso constar o uso de medicações. 

Além disso, o paciente deverá preencher seus dados pessoais e assinar a Declaração de Comorbidades. Esse documento, contido no endereço eletrônico www.votorantim.sp.gov.br/comorbidades/, foi elaborado pela Secretaria de Saúde de Votorantim.

Seta
Versão do Sistema: 3.1.0 - 07/06/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia